Rosa Alegria

São Paulo/SP
Veja o Perfil Completo

Rosa Alegria

Pioneira em futurismo no Brasil, atua como futurista profissional desde 2001, mestre em Estudos do Futuro pela Universidade de Houston, EUA. Especialista em Sustentabilidade pelo Schumacher College, Inglaterra.


Vídeos



Artigos


A feminização da economia
Cidade dos sonhos: você já sonhou com a sua?
Ensino e mudança: um passeio pelo futuro
Liderar para sustentar
O futuro e a nova libertação feminina
O “click” perfeito

O “click” perfeito


A busca pelo entendimento das mudanças pode levar ao que a pop futurista Faith Popcorn compara à abertura de um cofre, que precisa de um encaixe perfeito, de uma combinação certa entre girar para trás, girar para frente, diversas vezes, com diferentes números… e “click”!

Tirar proveito das mudanças é saber encaixar perfeitamente o que se passa em sua vida com o mundo lá fora, em várias camadas que se sobrepõem e se relacionam: família, trabalho, comunidade, cidade, país, planeta.

De frente para a janela, tente olhar para o que é visível mas ainda ninguém viu, como fazia o saudoso Peter Drucker, profeta da nova administração.

Os sinais que antes eram fracos começam a se fazer sentir com os furacões, os ventos, as marés, as convocações da Terra.

Nesse horizonte carregado de incertezas, você tem dois caminhos: deixar tudo como está e esperar o tsunami engolir a sua (a nossa) história, ou respirar fundo para tonificar o seu potencial criativo a caminho de uma saída sustentável.

Mude as lentes com as quais você está vendo a realidade e faça dela o ponto de partida. Abrace o futuro e aproprie-se dele com a responsabilidade de um ancestral. Entre em contato com o que vai e o que fica para as futuras gerações. À luz de uma nova consciência e num breve contato com o amanhã, um “click” perfeito pode iluminar o seu infinito presente.

Conseguir chegar ao “click” é entrar em sintonia com o que está acontecendo do lado de fora dos muros, é até pular os muros e não deixar de olhar para o que de bom você está deixando lá dentro. Fazendo-se reinventar, semear o novo em pleno caos, sem perder o sentido de direção.

O cofre do futuro está por ser aberto, à espera do “click” perfeito. Basta você combinar o seu talento com as necessidades do mundo.